A La Sucrerie e minha licença maternidade

Em março deste ano, me descobri grávida…Não posso dizer que foi exatamente uma “surpresa” pois já estávamos tentando há algum tempo, mas posso dizer que foi inesperado na medida que o meu pequeno João (SIM! Um baby boy!) veio naturalmente, sem fertilizações ou qualquer outro procedimento que até então estávamos nos submetendo. A felicidade foi imensa em toda a família!

Ter um negócio próprio exige muito trabalho e outras tantas decisões. No meu caso, a decisão em deixar de ter a carteira assinada veio muito antes da maternidade. Veio porque sempre desejei construir algo que tivesse significado pra mim e para o mundo, que respeitasse o meu tempo, que permitisse representar quem eu sou.

Por outro lado ter um negócio online, significa estar disponível para responder muitos emails, assim como gentileza e total atenção, em responder as mensagens, em cumprir com as datas e combinados de cada encomenda!

Em contrapartida a gravidez trás junto uma certa imprevisibilidade. Em 2013, já pensando nisso, contratei minha primeira ajudante, mas infelizmente as coisas nem sempre acontecem como o planejado e no final de 2014 eu já estava tocando a La Sucrerie sozinha novamente, como sempre foi desde sua criação, em 2008.

32semanas

Foi então, com o positivo nas mãos, que sabia que a partir de então teria que tomar algumas decisões sobre a La Sucrerie.

A primeira delas foi aumentar e respeitar o prazo de 15 dias úteis para novos pedidos. Não foi fácil…Clientes assíduos e muito queridos fazendo pedidos com o prazo menor. Mas não tinha outra forma, pois desde o início da minha gestação tomei a decisão de que iria cuidar de mim e do meu corpo e isso só seria possível se respeitasse as regras. Ser confeiteira é uma profissão muito gratificante, mas que requer muita, muita, muita disposição.

E mesmo respeitando essas regras me vi algumas vezes de barrigão durante a madrugada, fazendo muito bolipops pois havia uma entrega para o dia seguinte e justamente naquele dia João resolvia dar um susto nessa mamãe de primeira viagem e corríamos para o pronto socorro (Tudo não passava de um susto, mas perdia o dia inteirinho!!!)

E foi assim que a tomei a decisão mais importante: hoje estou de licença maternidade! Com 36 semanas, reta finalíssima, já contando os dias para a chegada no novo integrante da família.

Admiro as minhas amigas empreendedoras que seguem com o seu negócio normalmente, mas após muita reflexão não vi isso como algo possível para a La Sucrerie, principalmente pelas experiências que tive já durante a gestação.

Espero voltar daqui alguns meses com a bateria totalmente renovada por aquela felicidade que ouço tanto os pais falarem! (E pra mim essa felicidade se resume a uma única palavra: AMOR!)

3 thoughts on “A La Sucrerie e minha licença maternidade

  1. Clean says:

    Aproveite bastante para descansar e quando o João chegar, que venha com muita saúde para alegrar ainda mais o seu lar, você possa curti-lo ao máximo, pois passa muito rápido .
    Bjus e até a volta.

  2. Lia says:

    Querida Izabel, aproveite MUITO mesmo, pois NADA é mais importante do que isto e se ter uma empresa significa ter qeu tomar decisões, significa também fazer as melhores escolhas pessoais! Também tenho empresa, tenho uma menina de quase 2 anos(você iria fazer os doces, como foi no 1o ano), e não me arrependo de priorizar ela!
    Estamos sentindo falta, nos mande email quando retornar para matarmos a saudades dos sabores La Sucrerie e cuidarmos daquela parceria que quero fazer!!
    Um beijo grande em você e no pezinho do João!

Deixe uma resposta para Lia Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>